Já não existem galinhas como antigamente!!!

Nos dias que correm, só se ouve falar em carne de cavalo, mas não haja dúvidas que aqueles recantos escondidos nos imensos campos de Portugal, onde existem criações de galinhas e outros animais, são dos maiores patrimónios que temos actualmente. Só de ver e ouvir as notícias sobre o fabrico de comida enlatada e congelada, provoca-me arrepios. E nem vos estou a falar de documentários do tipo ” Food Inc “, que aí provavelmente passaria vários dias sem consegui levar comida à boca. Agora o velho e humilde galinheiro, onde as aves se alimentam duma mistura de couves da horta com milho e outros ingredientes, que também eles vêm de plantações do campo, esses não há preço que pague!

Este Domingo as minhas filhas foram dar de comer às galinhas da bisavó Emília. Aquele cheiro característico de capoeira  invadiu-me o nariz e fez-me lembrar a casa dos meus avós, que tinha coelhos, galinhas, patos e plantação de couves, cenouras, cebolas, alhos e até árvores de frutos, como nespereiras, macieiras, e uma figueira. No Verão era uma loucura. Eu e os meus primos fazíamos cabanas e inventávamos novos mundos do imaginário. Tenho pena e quase vergonha de não poder oferecer esse mundo às minhas filhas. Os tempos são outros, e embora procure mostrar-lhes e explicar-lhes como era quando eu era pequeno, só vivendo o que vivi é que daria para conseguirem ter a mínima noção. Espero que se volte aos campos, que se volte a dignificar a agricultura e os agricultores. Espero que se volte a dar valor ao que não tem corantes nem conservantes em doses não saudáveis, espero que as crianças possam voltar a fazer cabanas nos montes deste país. Espero que parte das fábricas de criação de aves se transforme em pequenas quintas de criação e produção próprias, onde podemos ir comprar produtos criados e acarinhados por famílias de produtores locais.

Um dia pode ser toda a gente possa conhecer o verdadeiro sabor da canja, pois já não existem galinhas como antigamente!!!

O galinheiro da bisavó Emília

IMG_20130224_182317

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s